Quem sou eu

Major da Brigada Militar, Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais, Especialista em Policiamento Ambiental, Tradicionalista. Muito obrigado, por acessar o meu blog. Participe deixando o seu recado.

terça-feira, 10 de julho de 2012

UMA PALAVRA


AOS VERDADEIROS BRIGADIANOS

Ao folhear um exemplar do antigo manual do Soldado PM de 1981, encontrei um texto escrito pelo saudoso Padre João Peters, suas palavras escrita naquela época, ainda servem para a atualidade. 

UMA PALAVRA – Padre João Peters

Amigo Brigadiano:




        Neste manual não pode faltar o verdadeiro espírito que te deve guiar ao abraçares esta profissão tão nobre, a tal ponto que tuofereces a tua vida para proteger a vida dos outros. Podes fazer isso somente a partir de Deus, que se expressou da seguinte maneira: “NINGUÉM TEM MAIOR AMOR DO QUE AQUELE QUE DÁ A SUA VIDA PELO IRMÃO”. Pois a vida e o sacrifício da vida, tem valor para aquele que realmente acredita em Deus. Por isso, devemos valorizar a própria vida e a personalidade da pessoa humana, para poder valorizar a vida do outro.
        Todo serviço prestado pelo Brigadiano é, em última análise, servir a lei de Deus, pois quem observa a lei de Deus é um bom cidadão, e a tua missão é zelar para que todos sejam bons cidadãos.
         Como tu vais fazer isso?
         Se alguém me pede Cem cruzeiros e, se eu não tiver, eu digo: “- Não tenho”.
         O que quero dizer com isso?
         Primeiro, é preciso ter para depois poder dar.
         Como vou dar segurança, se eu mesmo não sou seguro?
         Como vou exigir do outro que observe a Lei, se eu não observo?
      Por tudo isso, meu caro amigo Brigadiano, a tua escolha não é simplesmente a de uma profissão qualquer, mas se aproxima muito de um sacerdócio, isto é, alguém que se dedica de corpo e alma ao serviço dos outros, e a verdadeira recompensa, por mais que precisemos da matéria para viver, será a felicidade do outro.
         Este é o espírito que o Brigadiano precisa ter para que o povo realmente possa confiar nele.
          É como disse, há séculos, um filósofo grego: “a coisa mais bela, consiste em ser útil ao próximo”.

Nenhum comentário:

Postar um comentário